Chuvas em MG mataram 37 pessoas; 17 mil estão desabrigados, segundo a Defesa Civil e portanto buscam continuam

As chuvas que castigam Minas Gerais nos últimos dias causaram a morte de pelo menos 37 pessoas, conforme boletim divulgado nesta manhã pela Defesa Civil do estado de Minas Gerais e por esse motivo a região se encontra em alerta

Pelo menos 25 pessoas ainda estão desaparecidas. Um Pouco antes, o órgão da Defesa Civil chegou a dizer que o número de mortes havia chegado a 38 pessoas, porém refez a contagem em um novo boletim minutos depois

Foi retirada uma morte da cidade de Carangola, cidade que fica a cerca de 300 quilômetros de Belo Horizonte pois conforme a Defesa Civil, ainda seria preciso confirmar se a morte estaria relacionada com as chuvas.

Um novo boletim deverá ser emitido no final da tarde de hoje. Ao total, 58 cidades foram afetadas e além disso

O número informado pela Defesa Civil é o maior do que de cidades declaradas em situação de emergência pelo governo de Minas Gerais: 47 e além disso a Defesa Civil também disse que mais de 17 mil pessoas tiveram que abandonar suas casas

As mortes em Minas Gerais estão registradas nas cidades de:

Alto Caparaó: 3 mortes
Alto Jequitibá: 3 mortes
Belo Horizonte: 8 mortes
Betim: 6 mortes
Contagem: 1 morte
Divino: 1 morte
Ibirité: 5 mortes
Luis Burgo: 2 mortes
Manhuaçu: 1 morte
Pedra Bonita: 2 mortes
Santa Margarida: 1 morte
Simonésia: 3 mortes
Tocantins: 1 morte

Quer saber mais do cotidiano? Clique aqui

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here